Por Thais Monteiro Magalhaes | 08/08/2023

Dia Mundial de Combate ao Colesterol

Conheça os riscos da doença e como prevenir

Dia 8 de agosto é comemorado o Dia Mundial de Combate ao Colesterol, data criada para promover ações de conscientização e prevenção contra o colesterol alto, que é considerado um dos fatores que mais contribuem para o desenvolvimento de diversas doenças cardiovasculares. Segundo o Ministério da Saúde, essas enfermidades são a primeira causa de mortalidade no Brasil.

 

A coordenadora do curso de Medicina da Universidade Veiga de Almeida (UVA), Marise Marsillac, explica que o colesterol é uma substância essencial para o correto funcionamento do organismo, faz parte das membranas celulares do nosso corpo e é responsável pela produção de hormônios e formação dos ácidos biliares que ajudam na ingestão de gorduras. Existem dois tipos: o HDL – considerado “bom” que transporta o colesterol de volta para o fígado, ajudando a limpar os vasos sanguíneos e por isso teria uma ação anti-inflamatória – e o LDL – visto como “mau”, já que leva o colesterol do fígado para os tecidos e facilita o depósito de gordura, sendo assim pró-inflamatório.

 

Quando em desequilíbrio no organismo, o colesterol torna-se fator de risco cardiovascular, que pode ser susceptível por questões genéticas, além da alimentação ruim, do sedentarismo e do tabagismo, aumentando as chances de infarto agudo do miocárdio e obstruções vasculares levando a isquemias cerebrais.

 

Para evitar esses riscos, é fundamental uma dieta saudável, diminuindo fontes de colesterol exógeno (que vem pela alimentação) e a prática de exercícios físicos. “Atividade física é fundamental para manutenção da saúde e também como prevenção. A obstrução das artérias coronarianas pode levar ao estreitamento dos vasos e diminuição do fluxo sanguíneo. O fechamento da passagem de sangue pode gerar falta de irrigação cerebral”, destaca Marise.

 

Os indivíduos que apresentam colesterol alto por erro alimentar, podem melhor o índice através de mudanças no estilo de vida, como melhorar a alimentação. “É necessário evitar alimentos com colesterol e gorduras saturadas, como manteiga, queijos amarelos, creme de leite, toucinho, pele de animais, e ingerir mais legumes, verduras, grãos integrais, nozes, amendoim, frutas, peixe e proteínas de origem vegetal”, ressalta a coordenadora.

Voltar para notícias

Notícias

Featured image

24/05/2024

Dia Nacional do Café: Conheça os benefícios e malefícios da bebida

Ver notícia completa
Featured image

20/05/2024

Conheça a Liga Acadêmica de Anatomia Humana

Ver notícia completa
Featured image

16/05/2024

Maio vermelho: mês de conscientização contra a hepatite

Ver notícia completa
Featured image

13/05/2024

Coordenadora do mestrado e do doutorado em Psicanálise lança livro sobre o poder da palavra

Ver notícia completa
 Ver todas as notícias

cursos que
podem interessar

X

X

Oi, como posso te ajudar?

ESCOLHA UMA DESTAS OPÇÕES E FALE COM A GENTE:

WhatsApp
Nosso chat
(21) 2574 8888
hubspot controller