Por Pedro Paulo Carvalho | 04/07/2024

Veja como cuidar da saúde intestinal

Alimentação correta regula o funcionamento gastrointestinal e previne patologias

O intestino é um órgão tubular que permite a passagem dos alimentos digeridos, facilitando a absorção de nutrientes e a eliminação dos resíduos. Podendo atingir até nove metros de comprimento, ele é dividido em delgado, onde se inicia o processo de digestão, e grosso, responsável por absorver os líquidos finais dos alimentos. “Para que o intestino funcione adequadamente, é essencial que o indivíduo siga uma dieta rica em leguminosas, hortaliças, proteínas e cereais, beba bastante água e pratique exercícios físicos regularmente”, destaca Lúcia Kurdian Maranha, professora do curso de Nutrição da Universidade Veiga de Almeida (UVA).

 

Considerado por especialistas como um “segundo cérebro” pela quantidade de neurônios e autonomia que possui, o intestino humano é habitat de mais de 100 milhões de microrganismos. A maior parte dessa microbiota, nome dado à colônia de bactérias patogênicas e não patogênicas, vive harmonicamente no intestino grosso. “Estas colônias, quando estão em harmonia exercem papel fundamental, favorecendo a absorção de nutrientes e a regulação do sistema imunológico”, ressalta Lúcia.

 

A composição da microbiota é alterada de acordo com a idade do indivíduo, pois ao nascer, a criança possui um intestino estéril, que vai sendo colonizado no decorrer dos anos. A docente também reforça a importância do aproveitamento integral dos alimentos, já que partes que geralmente são descartadas contém substâncias fundamentais para o funcionamento intestinal. “A inulina é uma fibra solúvel encontrada em tubérculos e nos talos, raízes, folhas e sementes de diversos vegetais”, exemplifica.

 

O desiquilíbrio da flora intestinal é conhecido como disbiose e consiste na predominância desfavorável de bactérias patogênicas no intestino. As patologias intestinais mais comuns são as intolerâncias à lactose e ao glúten, síndrome do intestino irritável, entre outras. Lúcia reitera que a prevenção de doenças gastrointestinais perpassa a adoção de hábitos alimentares saudáveis, com o consumo de frutas, legumes, verduras, carne, leite e derivados de forma equilibrada, evitando produtos ultraprocessados, fortalecendo assim, a microbiota intestinal.

 

As orientações presentes na matéria também podem ser encontradas no Guia Alimentar para a População Brasileira, documento oficial do Ministério da Saúde, elaborado como instrumento capaz de subsidiar políticas, programas e ações para incentivo, apoio, proteção e promoção da saúde e segurança alimentar e nutricional da população.

Voltar para notícias

Notícias

Featured image

01/07/2024

Cidade do Rio de Janeiro concentra 63% dos eletropostos do estado

Ver notícia completa
Featured image

27/06/2024

Saiba como agir em casos de queimaduras

Ver notícia completa
Featured image

24/06/2024

7 dicas para aproveitar as comidas típicas da Festa Junina de forma mais saudável

Ver notícia completa
Featured image

20/06/2024

Alunos de Letras participam de evento de associação de professores

Ver notícia completa
 Ver todas as notícias

cursos que
podem interessar

X

X

Oi, como posso te ajudar?

ESCOLHA UMA DESTAS OPÇÕES E FALE COM A GENTE:

WhatsApp
Nosso chat
(21) 2574 8888
hubspot controller