Por admin | 19/09/2019

Beatriz Balena é a nova reitora da UVA

É a primeira vez, desde 1972, que uma mulher assume a reitoria da Veiga

Pela primeira vez, em 47 anos, a Universidade Veiga de Almeida (UVA) tem uma mulher como reitora. Beatriz Balena assumiu o cargo no início de setembro, mas já atuou na Veiga como pró-reitora de Pós-Graduação e vice-reitora no período entre 2008 e 2016. A mudança marca o início de um novo ciclo para a universidade.

 

Beatriz é doutora em Sociologia e Ciências da Educação pela Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha, além de ser especialista em Teoria Econômica e Desenvolvimento Regional. É graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Juiz de Fora e possui dois importantes cursos de gestão em educação superior, realizados na National University of Singapore e em Harvard, além de realizar visitas técnicas e convênios internacionais com universidades da Austrália, Canadá, Estados Unidos e Índia.

 

Com a vasta experiência nacional e internacional, a nova reitora quer trazer ideias promissoras vistas no exterior para dentro da UVA. “Estou muito animada e motivada. Quero somar a um time de muita qualidade”, ressalta. No período em que trabalhou na Veiga anteriormente, foi a responsável por implementar os laboratórios de inovação, como o FabLab e LabIdeias.

 

Em relação ao ciclo que se inicia, a reitora aponta para o papel da universidade em orientar os estudantes para um futuro incerto, no qual a tecnologia e a economia ainda estão em processo de transformação: “Temos que prepará-los para o fato de que eles vão ter que aprender continuamente, enquanto se movimentam em suas carreiras”.

 

Quanto aos objetivos e perspectivas para esta nova fase, Beatriz destaca que manter uma linha de diálogo aberta com a comunidade acadêmica é essencial e deseja posicionar a UVA como a melhor instituição em qualidade acadêmica. “Queremos tornar a Veiga uma universidade de desejo, com serviços de excelência e ter sempre o aluno como foco. A comunicação com todos possibilitará o surgimento de novas ideias que resultarão em bons acontecimentos para a UVA”, conta.

 

Já a respeito de ser a primeira reitora da Veiga, ela afirma que a mudança está alinhada com os acontecimentos globais, onde o protagonismo feminino tem sido construído em várias áreas do mundo do trabalho e das organizações. Beatriz também ressalta a importância e a necessidade de cada vez mais existir o apoio entre as mulheres. “Quero trazer um toque de sensibilidade e um olhar mais holístico para todas as áreas, e que isto se reflita no atendimento a todas as demandas educativas”, explica.

 

 

Por Thayná Titoneli, estagiária da Comunicação Institucional 

Voltar para notícias

Notícias

Featured image

21/11/2022

Pesquisadores da UVA transformam lodo de esgoto em argamassa para a construção

Ver notícia completa
Featured image

17/11/2022

Estudantes da UVA ajudam no reassentamento de famílias em situação de risco

Ver notícia completa
Featured image

14/11/2022

Alunos receberão bolsas para PIBID e Residência Pedagógica

Ver notícia completa
Featured image

10/11/2022

Escritório Modelo reforma restaurantes populares

Ver notícia completa
 Ver todas as notícias

cursos que
podem interessar