Como é o curso de Engenharia Civil? 4 estudantes contam como é a rotina

Existem diversos tipos de Engenharia e todas podem resultar em ótimos ganhos financeiros e satisfação profissional. No entanto, se você é dessas pessoas que sempre reparam em edifícios, prestam atenção nas construções e se empolgam em ver a transformação na reforma de uma casa, provavelmente a Engenharia Civil é para você.
Por isso, nosso assunto aqui é explicar como é o curso de Engenharia Civil. Sua formação é do tipo Bacharelado. Ou seja, permite atuar em diversas áreas no mercado, inclusive em órgãos do governo. Além disso, o trabalho exige muita inteligência e experiência prática, por isso ela continuará sendo uma das profissões mais relevantes no futuro.
A seguir, contaremos como é o curso de Engenharia Civil da UVA e falaremos sobre alguns ramos no mercado. Você verá, também, a opinião de estudantes da universidade. Assim, fica mais fácil fazer sua escolha! Então, vamos acompanhar?

COMO É O CURSO DE ENGENHARIA CIVIL?

O curso de Engenharia Civil da UVA tem duração de 5 anos, divididos em 10 períodos. A matriz curricular é planejada para fornecer os fundamentos teóricos clássicos e as mais modernas e avançadas técnicas de resolução de problemas da área.
O curso da UVA enfatiza a parte prática. Os alunos fazem visitas técnicas e utilizam frequentemente os diversos laboratórios, como de Geotecnia, Topografia e Materiais de Construção.
Algumas das disciplinas que fazem parte dos estudos são:
  • Modelagem e Representação do Espaço;
  • Ciências dos Materiais;
  • Gestão da Indústria 4.0;
  • Projeto Integrador em Simulação de Problemas em Engenharia;
  • Engenharia de Fundações;
  • Planejamento e Gestão de Obras;
  • Projeto Estrutural de Fundações.

QUAIS SÃO AS POSSÍVEIS ATUAÇÕES DO PROFISSIONAL?

Bem, vimos um pouco como é o curso de Engenharia Civil. No entanto, para uma visão completa, vale a pena analisar as atuações profissionais. As possibilidades são diversas, mas separamos algumas!

CONSTRUÇÃO CIVIL

Provavelmente, esse você já conhece. É o setor mais clássico da Engenharia e apresenta muitas demandas. É possível elaborar projetos, construir e reformar casas e prédios.

GESTÃO DE PROJETOS

Enquanto na Construção Civil é comum haver muitas visitações e acompanhamento da obra em tempo real, na Gestão de Projetos a atividade acontece mais no âmbito do planejamento, para que a obra seja entregue a tempo.

ESTRADA E TRANSPORTE

Essa área considera a mobilidade urbana. Trabalha com construções, pavimentações e manutenções de estradas, rodovias, metrôs, túneis, viadutos, portos, ferrovias etc.

COMPRAS

Gosta de orçamento? A parte de Compras está muito relacionada a isso. O profissional precisa fazer o planejamento de custos, visando o máximo de economia, sem comprometimento da qualidade.

CONSERVAÇÃO CIVIL

O fiscal monitora estruturas e cuida para que se mantenham fortes. É comum tal função ser disponibilizada por concurso público, mas também existem oportunidades em empresas privadas.

HIDRÁULICA E SANEAMENTO

A área trabalha com mecânica dos fluidos para construir ou reparar sistemas de irrigação, barragens, sistemas de saneamento, canais, reservatórios, entre outros.

COMO ESTÁ O MERCADO DE TRABALHO?

Assim como em qualquer profissão, o salário depende de variáveis, como experiência, empresa e qualificação. No entanto, podemos dizer que esse é um dos cursos de graduação com melhor retorno financeiro, já que a média salarial de Engenharia Civil é de R$7.312 ao mês, para uma jornada de 41 horas semanais.
O profissional consegue encontrar oportunidades nas seguintes escolhas:

EMPRESAS PRIVADAS

O trabalho, aqui, é por contrato celetista. É possível atuar em empresas, a exemplo de grandes construtoras, e de crescer lá dentro. Uma das vantagens dessa opção é sempre ter um horário certo para entrar e sair do trabalho, ao contrário de quem é empresário.

AUTÔNOMO

Prefere ter mais independência? Um engenheiro autônomo é o empresário que tem seu próprio escritório. Geralmente, ele opta por abrir a empresa junto de outros engenheiros ou, ainda, de profissionais que possam complementar os serviços oferecidos, a exemplo dos arquitetos. Como vantagem, há a possibilidade de escolher o nicho e o público a serem atendidos. Além disso, não há limite para o lucro.

GOVERNO

A entrada se dá por meio de concursos públicos. A remuneração depende do órgão e do ente federativo responsável. Por exemplo, de modo geral, prefeituras tendem a pagar menos. Por outro lado, as remunerações vindas da União, de tribunais e do Ministério Público costumam ser mais atrativas. As vantagens são aquelas conhecidas de concursados: férias, licenças e estabilidade.

O QUE 4 ESTUDANTES CONTAM SOBRE A ROTINA?

Depois de entender melhor como é o curso de Engenharia Civil e de ficar por dentro da carreira profissional, que tal descobrir o que 4 dos estudantes da UVA pensam sobre o curso de Engenharia Civil? Veja!

AULAS PRÁTICAS

Nessa graduação, a teoria é muito importante. No entanto, é na prática que o aluno se prepara para as exigências do mercado. Thais O. P. Justiniano, do 10º período, relata que a parte prática da UVA é de muita excelência.
“Na UVA, temos vários laboratórios, que, a cada semestre, ficam melhores. As aulas práticas de solos foram ótimas. Metemos a mão na massa, de verdade. Isso ajuda no entendimento da matéria, porque sai do campo da imaginação e suposição para a realidade. Nas aulas de Materiais de Construção 1, além dos diversos equipamentos do laboratório, fizemos uma visitação na ponte Rio-Niterói. Aprendemos muito sobre estrutura e a história da ponte”, enfatiza a estudante.
Absalon S. Salu, do 8º período, concorda com a colega: ”as aulas práticas de Topografia, ministradas pelo professor Mário, com equipamentos que usaríamos ao realizar levantamentos topográficos, são a junção perfeita de teoria e prática, pois, muitas vezes, temos aulas alternadas, colocando em prática aquilo que aprendemos. Para mim, essa foi a melhor forma de aprender a disciplina”.
Thayná N. B. Souza, do 10º período, compartilha da opinião: “essa prática proporcionada pela UVA é importantíssima para a nossa profissão. Não tem como chegar em um canteiro de obras sem saber como funciona um Slump Test, por exemplo. Os laboratórios entram nessa visualização dos conceitos teóricos. Fica mais fácil entender o comportamento dos solos e da água e saber fazer os ensaios dentro das normas técnicas vigentes. Isso contribui muito para não sairmos ‘crus’ da universidade”, aponta Thayná.

OPORTUNIDADES EXTRACURRICULARES

Sobre as oportunidades extracurriculares, Rafael M. Leite, do 7º período, conta alguns dos proveitos da UVA: “além das visitas técnicas, temos palestras, como as da Semana da Engenharia. Isso é de muito valor, pois nos faz abrir os olhos para as condições do mercado de trabalho. Ficamos por dentro das novas tecnologias, entendemos quais as boas e as más práticas e, também, temos a oportunidade de conhecer outras áreas, pelas quais podemos nos interessar”.
Thais considera que os estudantes da UVA têm mais vantagens que os outros: “nós temos uma grande sorte de ter o professor Marcel, porque ele está sempre em contato com as empresas e buscando oportunidades para nós alunos. Ele faz um boletim de vagas disponíveis e divulga, periodicamente, com as parcerias feitas. As oportunidades de estágio são divulgadas, primeiro, para os alunos da UVA, por causa dele. Isso é ótimo, porque saímos na frente na disputa”.

PREPARAÇÃO PARA O MERCADO PROFISSIONAL

“Os professores com os quais tive aulas, na unidade Tijuca, sempre tentaram passar seus conhecimentos sobre a atuação no mercado de trabalho, a partir de exemplos do que acontece no dia a dia. Também, nos apresentaram questões de concursos, para que pudéssemos nos preparar bem”, explica Absalon.
“Tive professores maravilhosos, muito capacitados e atuantes na área. Além disso, temos alguns tópicos complementares. Por exemplo, em uma das matérias da matriz curricular da UVA, eu estudei Corrosão, com um professor especialista. Essa é uma disciplina que, geralmente, as pessoas só têm acesso na pós-graduação, no entanto, é importantíssima para o cotidiano de um engenheiro, principalmente se atua em cidades litorâneas”, opina Thayná.

DIFERENCIAIS DA UNIVERSIDADE VEIGA DE ALMEIDA

Rafael enxerga vários diferenciais na universidade: “o corpo docente é muito técnico e qualificado. Os membros da coordenação se preocupam com a atualização do curso, em relação às técnicas e às normas novas. Os laboratórios são excelentes e neles podemos praticar o que vimos em sala de aula. Além disso, também gosto da facilidade no acesso ao campus e bom atendimento da parte administrativa da universidade”, relata Rafael.
Indo na mesma direção, Thais reconhece a reputação da UVA: “o curso de Engenharia Civil é o primeiro da Universidade Veiga de Almeida. É uma instituição respeitada no mercado, pelos anos em que atua, oferecendo graduações de qualidade e que, realmente, preparam o aluno para a vida profissional. Então, um dos grandes diferenciais é me formar e ter um diploma respeitado no mercado”.
Bem, saber como é o curso de Engenharia Civil é um passo relevante na sua escolha. No entanto, faz toda a diferença entender o que a universidade pode disponibilizar e como ela pode melhorar sua chance de sucesso no mercado. Afinal, é o seu futuro em jogo, concorda?
Sendo assim, que tal aproveitar essa oportunidade? Comece investindo em você e faça sua inscrição em nosso vestibular!