UVA - Universidade Veiga de Almeida

Cursos de Graduação, Pós-Graduação, Mestrado e Extensão

Universidade Veiga de Almeida

Ligue para a UVA (21) 2574 8888


Acesso ao Sistema

Aluno
Professor
Esqueci a senha

Início > Notícias > Projeto Saúde do Trabalhador oferece avaliação odontológica

Projeto Saúde do Trabalhador oferece avaliação odontológica

27 de fevereiro de 2018

Atendimentos aos colaboradores da UVA começam na próxima quinta-feira (1º)

As diretorias de Recursos Humanos, Extensão e Acadêmica, em parceria com o Centro de Saúde Veiga de Almeida (CSVA), oferecem aos colaboradores da Universidade Veiga de Almeida (UVA) uma avaliação odontológica gratuita com triagem e exames de imagem. Os atendimentos fazem parte do Projeto Saúde do Trabalhador e serão realizados pelos estudantes de Odontologia. As consultas vão começar na próxima quinta-feira, dia 1º, no CSVA, localizado na Praça da Bandeira.

A diretora de Extensão, Maria Frastrone, conta que a universidade está em constante transformação e tem como principal objetivo preparar os estudantes para serem cidadãos do século XXI. “É preciso prepará-los integralmente e oferecer oportunidades para vivenciar os resultados da aprendizagem em um determinado contexto. Neste sentido, através do projeto, os alunos irão construir conhecimentos técnicos ao trabalharem efetivamente”, explica.

Os atendimentos acontecerão às segundas (das 8h às 11h e das 14h às 17h), além de terças e quintas (das 8h às 11h). O diretor do CSVA, Luis Claudio Campos, destaca que a inciativa vem com proposta de despertar o cuidado com a saúde. “Infelizmente, muitas vezes o paciente só procura tratamento quando é preciso. Logo, queremos prevenir problemas futuros e orientá-los para estabelecerem tratamentos eficazes”, ressalta.

Para o gerente de Recursos Humanos da UVA, Claudio Lopes, as empresas perceberam que a produtividade está diretamente relacionada com ao bem-estar de seus colaboradores. “O efeito é a longo prazo e estas iniciativas melhoram cada vez mais o relacionamento entre os funcionários”, finaliza.

*Texto produzido por Carlos Brito, estagiário da Comunicação Institucional