UVA - Universidade Veiga de Almeida

Cursos de Graduação, Pós-Graduação, Mestrado e Extensão

Universidade Veiga de Almeida

Ligue para a UVA (21) 2574 8888


Acesso ao Sistema

Aluno
Professor
Esqueci a senha

Início > Notícias > Dicas para tirar uma boa foto

Dicas para tirar uma boa foto

28 de dezembro de 2016

Professor da UVA ensina técnicas sobre fotografias e edição de imagens

A popularização das redes sociais inflou nas pessoas o desejo de ter a foto mais bonita, curtida e comentada. Para atingir o objetivo elas buscam nos aplicativos de edição os melhores filtros e programas para modificar a imagem. Além disso, criam as poses mais criativas para chamar a atenção na hora do click. Pensando nisso, o professor de Fotografia da Universidade Veiga de Almeida (UVA), Emiliano Fonseca, dá dicas de como tirar a foto ideal.

Para realizar uma boa selfie, é importante observar a direção da luz do ambiente. “O melhor posicionamento para a selfie é aquele que a luz incide diretamente no rosto”, explica o professor.  Em relação as poses, Fonseca acredita que a criatividade faz toda a diferença. “As diversidades de posicionamentos, em relação à fonte de luz, produzem diferentes e interessantes resultados”.

O professor ressalta ainda sobre a necessidade de estar atento aos objetos que estão ao redor na hora de fotografar, pois eles farão parte do cenário. Na hora de editar, orienta que o “fotógrafo” precisa saber o que fazer com os comandos e a dica é: manipule o contraste, o brilho e a saturação. Já na escolha dos filtros, ele aconselha a conhecer as opções disponíveis nas ferramentas de edição, pois são através deles que saem os resultados impressionantes.

Os erros mais comuns cometidos pelos usuários, segundo Fonseca, devem-se ao fato deles não possuírem a formação de Criação e Composição. “As ausências desses fundamentos levam as pessoas a descaracterizarem a fotografia em sua essência, ou seja, nem é culpa do aplicativo, mas da falta de conhecimento estético”.

Com a globalização, as empresas buscam sempre superar os concorrentes e novas ferramentas tecnológicas são criadas ano a ano. “As recentes câmeras estão aptas a compartilhar arquivos via wi-fi, o que é muito interessante num mundo pautado pela revolução dos meios de comunicação digital”, destaca o professor. Fonseca explica que há muito tempo não se via grande interesse pela fotografia por todas as classes sociais e com isso a profissionalização deste meio está cada dia mais forte.

Ele acredita que este momento irá durar por um tempo para que pesquisadores, acadêmicos e docentes elaborem uma justa reflexão a respeito da fotografia no mundo digital. O professor finaliza dizendo sobre o interesse de tornar a fotografia em profissão: “A arte de tirar fotos já pode contar com uma formação em nível superior e com excelentes professores para esse aprimoramento, tanto das técnicas quanto dos fundamentos para a produção de uma boa fotografia”. Devido a esses novos tempos, a UVA irá disponibilizar a partir de 2017 o curso de Fotografia no campus Centro.


Gabriel Brum
Estagiário - Comunicação Institucional